Colaboradores do Sistema Fecomércio PE comemoram 1º de maio com peça teatral

    PróximoAnterior
    Peça teatral marca Dia do Trabalhador

    Colaboradores do Sistema Fecomércio PE comemoram 1º de maio com peça teatral

    Em comemoração ao Dia do Trabalhador, o Sistema Fecomercio/Senac/Sesc proporcionou aos seus funcionários a peça teatral Angelicus Prostitutus, escrito por Hamilton Saraiva e com direção de Rudimar Constâncio, gerente do Sesc Piedade. Na peça, o anti-herói Angelicus muda sua vida ao descobrir que é traído pela esposa. Ele se envolve em uma série de atos de prostituição que vão além da sexualidade. Em cenas que misturam tons de circo, comédia e musical, o protagonista descobre que na igreja, na polícia e na família também existem formas de se prostituir.

    Valéria Peregrino, diretora do Senac, abriu primeira sessão

    Realizada em duas sessões, no dia 30/4, a primeira foi aberta por Valéria Peregrino, diretora Regional do Senac, que representou Josias Albuquerque, presidente do Sistema Fecomercio/ Senac/ Sesc. “Queremos agradecer a todos os nossos funcionários. Não se faz administração de empresa apenas com presidentes ou diretores”, parabeniza Valéria. A abertura da segunda sessão ficou a cargo de Ana Paula Cavalcanti, diretora da Divisão de Atividades Sociais do Sesc.

    A mostra reuniu os funcionários do Sistema no Teatro Marco Camarotti, na unidade do Sesc Santo Amaro. “Foi proveitoso assistir a peça, temos pouca oportunidade por causa do tempo corrido do cotidiano. Além disso, nos reunimos com os amigos prestigiando um trabalho maravilhoso feito pelos colegas do Sesc Piedade”, comenta Aureliza Melo, auxiliar de Saúde Bucal do Sesc Santa Rita.

    Peça Angelicus Prostitutus

    Apresentação falou sobre diversas formas de prostituição

    O espetáculo Angelicus Prostitutus já passou por duas temporadas, incluindo mostra em Portugal. Foi vencedor do Prêmio Apacepe 2016, no Janeiro de Grandes Espetáculos, com melhores figurinos e maquiagem, além de ganhar prêmio especial para Célio Pontes, diretor de Arte da peça. “Cenário, figurino, música, dança e poesia alegraram nossa tarde e nos convidaram a refletir sobre a importância da arte em nossas vidas”, comenta Guiomar Barbosa, gerente comercial do Senac.

    Sobre a experiência de prestigiar uma peça teatral, Wilma Fonseca, analista do Sistema Fecomércio diz que “estar em um momento de diversão em pleno horário de trabalho, quebra o paradigma de estar sempre focado nos afazeres. Poder estar no teatro traz leveza e satisfação pelo nosso empenho” relata.

    PróximoAnterior